MundoJP - Kanji

Os japoneses sabem escrever kanji?

Você se esforça para aprender a escrita, desenhando várias e várias vezes os mesmo kanji em um papel quadriculado ou em um caderno e sente que não tem resultado? Você acha isso realmente importante? Neste artigo vamos discutir um pouco sobre o valor que a escrita tem a agregar no seu aprendizado.

Primeiro gostaria de compartilhar este vídeo em que os japoneses são desafiados a escrever alguns kanjis comuns.

Repare que eles conhecem perfeitamente a palavra e seu significado, porém simplesmente não lembram ou sentem alguma dificuldade quando precisam escrever à mão.

Obs: Desculpem, o  vídeo está em Inglês, mas é suficiente para o entendimento.

Escrita manual x digital

Reflita um pouco? Qual foi a última vez que você pegou uma caneta e um caderno para escrever?
Tudo que fazemos hoje, temos a opção de fazer de forma digital, seja anotações em uma reunião, escrever notas de uma determinada palestra ou aula presencial na faculdade e até mesmo provas são feitas de forma digital.

E para tudo isso existem diversas ferramentas que te auxiliam a organizar e sincronizar suas notas entre dispositivos e pessoas.

Pouquíssimas atividades ainda utilizamos um papel e uma caneta. Se você é um estudante, provavelmente ainda faça muito isso, mas se você está no meio profissional, com certeza não escreve tanto quanto antes. No máximo, escreve quando precisa preencher algum formulário, mas nesse caso, o hiragana e o katanaka são suficientes.

A escrita manual pode atrasar à sua fluência no japonês

Escrever à mão não é uma tarefa simples para os estrangeiros. Existem muitos kanjis e cada um tem seu padrão de traços e ordem correta para executá-los. Se considerarmos as famosas leituras On e Kun teremos um quantidade de informação maior ainda.

O foco na leitura de palavras é mais importante!

Se você dedicar o tempo gasto no  treino da escrita com o exercício da leitura, seus resultados serão muito mais rápidos.

Com a leitura dominada você poderá fazer muito mais coisas: ler e compreender notícias, mangás, jornais e revistas. E isso sem dúvida te deixará mais motivado na sua jornada de aprendizado. Com foco na escrita à mão, a chance de cair em desânimo é muito maior e você levará mais tempo para tornar-se fluente.

Saber a leitura das palavras é o necessário também para escrever em dispositivos digitais como celulares e computadores, pois você só terá que escrever a forma que se lê e o dispositivo irá desenhar o kanji para você.

Escrever à mão é impossível para estrangeiros?

Não! Certamente é possível. Porém depende muito da sua imersão e principalmente o tempo em que você convive imerso.

Um japonês aprende a escrita no decorrer de seus vários anos na escola em períodos integrais, além de estar 100% imerso em um ambiente japonês. E mesmo assim, quando chega a sua fase adulta, cada vez menos pratica a escrita, a ponto de esquecer ou ter dificuldade em certos kanjis.

Conclusão

Foque na leitura, ela é um requisito primordial para alcançar a fluência. Você pode dedicar-se e ter um melhor resultado na prática da escrita quando dominar o idioma.

Se você acha muito legal a escrita (assim como eu), saiba que também não tem problema algum exercitá-la, desde que você não encare isso como estudo e sim como um hobby (Isto é uma arte chamada 書道しょどう  (shodou).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *